Servidores da Prefeitura de Manaus participam de treinamento sobre a Carteira de Trabalho Digital

Servidores da Prefeitura de Manaus, que atuam nos postos do Sine Manaus, coordenados pela Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), participaram nesta quinta-feira, 13/2, de um treinamento sobre a Carteira de Trabalho Digital, na sede da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no Amazonas (SRTE-AM), zona Centro-Sul.

A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) é um documento obrigatório para toda pessoa que presta algum tipo de serviço para a área da indústria, comércio, agricultura ou até mesmo serviços domésticos.

Com a intenção de modernizar e facilitar a vida do trabalhador, a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, uma das pastas do Ministério da Economia, lançou a Carteira de Trabalho Digital, que substitui o documento físico e está disponível por meio do aplicativo para celular nas versões iOS e Android e também na web, no site https://servicos.mte.gov.br/.

A partir de agora, a emissão da CTPS física será suspensa e será feita apenas de forma digital. Os servidores do Sine Manaus irão orientar os trabalhadores e jovens em busca do primeiro emprego a migrarem para a Carteira Digital, que é gratuita e não possui prazo de validade, por ser emitida por meio do número do CPF.

O aplicativo da Carteira Digital já existe desde 2017, no entanto, só passou a substituir o documento de papel depois da regulamentação da Portaria nº 1.065/2019. A medida visa facilitar o acesso à carteira, sempre que for necessário fazer uma consulta. Todas as experiências profissionais formais devidamente registradas, salários e tempo de serviço, por exemplo, estarão no aplicativo.

Presente no treinamento, o superintendente regional do Trabalho, Gilvan Motta, contou que a economia e a entrada no mundo digital foram os principais motivos para a suspensão da emissão do documento físico. “Mais de R$ 90 milhões eram gastos mensalmente na produção e distribuição de carteiras. Além da economia gerada, a Carteira Digital é também uma forma de modernizarmos nossos serviços e facilitar as coisas para o cidadão”, observou.

Gilvan informou também que, além da emissão digital da Carteira de Trabalho, por meio do mesmo cadastro, o trabalhador também consegue acesso ao Seguro Desemprego.

Confira abaixo o passo a passo para habilitar a carteira de trabalho digital:
Pela Web:

Passo 1 – acesse o site https://servicos.mte.gov.br e clique no botão azul “quero me cadastrar”;

Passo 2 – se você já tiver uma senha cadastrada no site ou nos aplicativos “Sine Fácil” e “Meu INSS”, é só clicar em “já tenho cadastro”, informar o número do CPF, clicar em próxima, continuar e digitar a senha;

Passo 3 – caso seja o primeiro acesso, será preciso preencher um formulário com seus principais dados de identificação;

Passo 4 – será aberta uma tela que apresenta duas opções: “informações pessoais” e a carteira digital. Clicando na primeira opção, é mostrado o cadastro do usuário com os dados pessoais. Já na segunda opção, as últimas informações do emprego atual e todos os outros contratos de trabalho formais com ocupações, salários e períodos de trabalho.

Pelo celular
Passo 1 – Baixar o aplicativo “Carteira de Trabalho Digital” disponível na Play Store ou na App Store;

Passo 2 – Informar o número do CPF;

Passo 3 – Caso seja o primeiro acesso, será preciso preencher um formulário com seus principais dados de identificação. Depois disso, a carteira já está ativa para uso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × dois =

Skip to content