Augusto Aras descarta novos pedidos de afastamento de governadores

Declaração é um alívio a gestores, alvos de investigação da PGR por causa de contratos emergenciais na pandemia

A coluna Radar da Revista Veja, edição do dia 9 de dezembro, assinada pelo jornalista Robson Bonin, traz revelação feita, recentemente, pelo Procuradora-Geral da República, Augusto Aras, sobre novos pedidos de afastamento de governadores.

A afirmação trouxe alívio aos gestores estaduais alvo de investigação da PGR, por suspeita de irregularidades em contratos estabelecidos durante a pandemia do novo coronavírus.

Segundo a nota, Aras teria afirmado, que não há, nos planos da PGR, novos pedidos de afastamento e que, o ocorrido com o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC) foi um ponto fora da curva.

Confira a integra da nota:

Skip to content